Projeto: “Árvores Extraordinárias”

As Nações Unidas aprovaram o dia 21 de março como o Dia Internacional das Florestas. Nesta celebração, pretende-se contribuir para a consciencialização da importância de todos os tipos de espaços florestais.

A educação ambiental para a sustentabilidade constitui um eixo fundamental da educação. Além disso, constitui um dos domínios que integra a Educação para a Cidadania, da componente curricular de Cidadania e Desenvolvimento.

Neste contexto, a FAPAS – Associação Portuguesa para a Conservação da Biodiversidade, propõe-se celebrar esta data com as escolas, através do projeto: “Árvores Extraordinárias”.

Uma árvore extraordinária pode existir numa rua, num jardim, num quintal, num parque ou numa área de floresta perto de nós. Pode ser extraordinária por motivos diversos, como idade, raridade, beleza, localização e história, sem esquecer o seu valor ecológico.

Quem pode participar?

Alunos de todos os níveis de ensino, mediante inscrição pelo docente responsável, com envio de mensagem para:  cf@fapas.pt , com o seu nome e o da escola e a indicação do número de participantes.

Como participar?

Elaborar um “postal digital” (com uma fotografia realizada pelo próprio ou outro tipo de recurso) com um pequeno texto de menos de 100 palavras, enviando-o até ao dia 21 de março para o FAPAS cf@fapas.pt e a pelo menos 10 colegas e amigos.

Partilhar o postal nas redes sociais em modo público usando a hashtag #ArvoresExtraordinarias

Pretende saber mais informações, contacte-nos

  • (*) RGPD (REGULAMENTO GERAL SOBRE A PROTEÇÃO DE DADOS - EU 2016/679)
    Os dados pessoais aqui recolhidos, para efeito de envio de informações e (no caso dos sócios efetivos) quotização, serão guardados enquanto a relação de associado se mantiver. Se pretender que os dados sejam corrigidos, restringidos ou eliminados, deve contactar o FAPAS, via email, para fapas@fapas.pt, ou através de carta registada para a morada indicada no rodapé desta página.
  • Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.